segunda-feira, 21 de março de 2016

O primeiro Dia do Pai

O primeiro dia do Pai é sempre pensado, na nossa sala, com muito cuidado, entusiasmo e empenho. Envolvemos os bebés de forma carinhosa neste processo. Suavemente, e de forma lúdica, pintámos as mãos de branco, de cada bebé e, cuidadosamente decalcámo-la numa cartolina de cor. Utilizámos os dedinhos pintados de muitas cores para os botões e o laço da camisa que serviu de embrulho à nossa prenda. Ficou linda.
 


Preparámos todo um ambiente para receber nesse dia receber os pais: preparámos os materiais necessários para uma atividade que envolvia o olhar do bebé, preparámos um lanchinho delicioso e recebemos os pais com um sorriso e muitas surpresas.


A forma cuidadosa como cada pai desenhou o seu bebé e descreveu o seu olhar, o colo, o sorriso, o carinho, o beijo, a emoção….


Foi maravilhoso observar, envolver, conversar, partilhar emoções, … estar com todos os pais e claro com outros familiares (irmãos, mães) do berçário que tão gentilmente estiveram presentes. Obrigada a todos os PAIS por este dia cheio de amor.

Os membros da família são bem-vindos no estabelecimento e contribuem com o seu conhecimento e capacidades para enriquecer o programa de atividades a implementar na resposta de creche, sendo eles os principais responsáveis pelo bem estar das crianças aí acolhidas e as pessoas que melhor as conhecem. Manual de processos-chave CRECHE

1 comentário:

  1. Um dia diferente... pare eles e para nós... A ideia da Caixa de CDs com a foto e a mão funcionou muito bem. E os bolinhos ao final da tarde também... Obrigado !

    ResponderEliminar